Fernando Pessoa - poemas
www.mDaedalus.com
poemas
de
Pessoa
A
B
C
D
E
F
G
H
I
J
L
M
N
O
P
Q
R
S
T
U
V
 
Fernando Pessoa
Vento que passas

 
Vento que passas
Nos pinheirais
Quantas desgraças
Lembram teus ais.

Quanta tristeza,
Sem o perdão
De chorar, pesa
No coração.

E ó vento vago
Das solidões
Traze um afago
Aos corações.

À dor que ignoras
Presta os teus ais,
Vento que choras
Nos pinheirais.


  • Verdadeiramente, Poesias Inéditas
  • Verdade, mentira, certeza, incerteza ..., Alberto Caeiro
  • Véspera de viagem, campainha , Álvaro de Campos
  • Viajar! Perder países!, Cancioneiro
  • Vibra, clarim, cuja voz diz, Quinto Império
  • Vibra do cio subtil da luz, Poemas Traduzidos
  • Vilegiatura, Álvaro de Campos
  • Vinha elegante, depressa, Poesias Inéditas
  • Vi passar, num mistério concedido, Poesias Inéditas
  • Viriato, Mensagem - Brasão 
  •  

    Google
     
    Web mdaedalus.com
    página de Pessoa
    página principal
    com o apoio de:
    www.travel-images.com
    Fernando Pessoa - poemas
    www.mDaedalus.com